Atenção, a versão do seu browser está desatualizada, deverá atualiza-lo para visualizar este site corretamente.

Se pretende subscrever à nossa newsletter, por favor preencha os campos do seguinte formulário, obrigado.

Por favor certifique-se que preencheu todos os campos e que o seu email está correto.

Notícias CSPR

Aniversário do Presidente da Instituição
Quarta, 6 de Abril, 2016
mais info
Parabéns ao Centro Social Padres Redentoristas!
Terça, 19 de Janeiro, 2016
mais info
35.º Aniversário da Instituição
Quinta, 16 de Janeiro, 2014
mais info
Inauguração do Autocarro da Instituição
Segunda, 9 de Setembro, 2013
mais info

Clique em "ver mais" para visualizar a visita virtual ao Centro Social Padres Redentoristas e Raposinho, temos mais de 60 panoramas 360 disponíveis...

ver mais

 

Futebol
Centro Social Padres Redentoristas

Introdução

 

O futebol é hoje em dia um fenómeno de particular importância, não só pelo que é, mas também por aquilo que representa e integra. Sabemos actualmente que através do desporto em geral e do futebol em particular, se pode modificar e até mesmo alterar comportamentos, formas de pensar, enfim alguns dos valores que fazem parte da sociedade. Pensamos que hoje em dia o futebol pode ser um veículo importante de divulgação de cultura, de pensamentos, de formas de ser e estar, de personalidades, etc.

É nesta base de opinião que iremos desenvolver e centrar toda a nossa a actividade.

Como objectivos gerais a alcançar e a desenvolver com o nosso trabalho, enumeramos os seguintes:

  • Procurar o desenvolvimento harmonioso dos jovens, respeitando as suas etapas de crescimento e desenvolvimento, no sentido de evitar o treino intensivo precoce e queimar etapas do seu desenvolvimento, de forma a alcançar êxitos a curto prazo.
  • Incutir desde as idades mais jovens uma nova forma de encarar o futebol, de modo a despertar desde logo o gosto pela modalidade.
  • Desenvolver uma formação que tenha sempre em mente os conteúdos, objectivos e estratégias adequadas aos seus praticantes e às idades que os mesmos possuem.
  • Executar uma formação que tenha sempre presente o desenvolvimento do espírito de grupo, da amizade, da inter ajuda, da união, do querer, da vontade, da ética, do espírito de sacrifício, da persistência, do querer ser sempre melhor e saber cada vez mais.
  • Incutir desde as idades mais jovens uma nova forma de encarar o futebol, de modo a despertar desde logo o gosto pela modalidade.
  • Transmitir conhecimentos e vivências que permitam aos atletas possuir um leque abrangente não apenas no que diz respeito ao futebol mas também a todo contexto que o mesmo engloba.

Depois do exposto passaremos a descrever sucintamente a metodologia de trabalho que iremos desenvolver e executar ao longo do ano:

Principio Fundamental

 

“Um jogador de futebol só começa a ser um grande jogador quando a bola começa a fazer parte do seu corpo, pois não consegue atingir patamares elevados se tiver a necessidade de estar a olhar para a bola para a poder dominar”.

Iremos promover treinos sem botas, DESCALÇOS, jogar futebol de múltiplas maneiras, com diversos tipos de bolas, com diversos tamanhos, diversos tipos de piso, diversos tipos de calçado (descalços, ténis, botas).

Procurar ensinar o jogo com recurso a formas motivantes, implicando o praticante em situações problema que contenham os ingredientes fundamentais do jogo:

  • Bola;
  • Cooperação e Oposição;
  • Escolha;
  • Finalização.

Garganta(1994)


Iremos adoptar as seguintes Fases/Etapas do ensino do jogo

  • Construir a relação com a bola;
  • Construir a presença dos alvos (balizas);
  • Construir a presença do adversário;
  • Construir a presença dos colegas e adversários;
  • Desenvolver as noções espaço/tempo.

Construir a relação com a bola - Objectivos específicos da 1ª Fase

 

Familiarizar o praticante com a bola, aprendendo a controla-la e apreciar as trajectórias que lhe são impressas.

Promover a utilização de ambos os pés e todas as superfícies de contacto na realização de todas as acções técnicas com bola.

Para aprender a jogar Futebol, é imprescindível que os aprendizes sejam capazes de:

  • Receber a bola;
  • Passar a bola;
  • Conduzir a bola;
  • Rematar à baliza.

Se por um lado, para se aprender o jogo de Futebol não é necessário um elevado nível técnico.

Por outro lado, estas 4 acções técnicas devem ser realizadas com o mínimo de eficiência, para que as acções de jogo tenham a necessária continuidade. (Adaptado de Barreto, 2000).

Nesta etapa, têm lugar todos os exercícios que promovam a utilização de ambos os pés e as várias superfícies de contacto na realização das acções técnicas com bola.

Em função do nível de desempenho dos alunos/atletas, podem utilizar-se exercícios da mais simples organização (circuitos/percursos gerais…) até outros bem mais complexos (jogos reduzidos).


Construir a presença de alvos - Objectivos da 2ª Fase

 

Evolução do nível do jogo que conduza à finalização, preferencialmente através de situações de cooperação.

Nesta fase, têm lugar todos os exercícios que promovam a finalização, particularmente as situações de 1x0+ GR, 2x0+GR e 3x0+GR.

Introdução do 1º princípio específico do ataque – Penetração.


Construir a presença do adversário - Objectivos da 3ª Fase

 

Plano Ofensivo – melhorar o controlo da bola, desenvolvendo a capacidade de conquista e conservação da sua posse, bem como a aptidão para o duelo.

Plano Defensivo – adoptar uma atitude defensiva básica, aprendendo a orientar os apoios e enquadrar-se defensivamente.

Nesta etapa, privilegiam-se as situações 1x1+GR. Contudo, nas primeiras abordagens será necessário condicionar a acção do defensor, permitindo algum sucesso ao atacante.

Introdução do 1º princípio específico da defesa - Contenção.


Construir a presença dos colegas e advresários - Objectivos da 4ª Fase

 

Plano Ofensivo – promover o jogo colectivo (o jogo a 3 revela-se a estrutura mínima que garante a essência do jogo, permitindo uma escolha binária).

Plano Defensivo – desenvolver o sentido de defesa colectiva, promovendo o espírito de entreajuda e cooperação.

No início desta fase, privilegia-se o jogo a 2 (2x1 e 2x2) com a introdução do 2º princípio específico do ataque e da defesa – Cobertura ofensiva / Cobertura defensiva.

Progressivamente, avança-se para o jogo a 3 (3x1, 3x2 e 3x3) com introdução do 3º princípio específico do ataque e da defesa – Mobilidade / Equilíbrio.


Desenvolver as noções espaço / tempo - Objectivos da 5ª Fase

 

Plano ofensivo – promover a articulação ofensiva em profundidade e largura, a fim de obter mais espaço para o desenvolvimento das acções ofensivas.

No plano defensivo – promover a articulação defensiva, a fim de reduzir e anular o espaço à equipa adversária.

Nesta etapa, pretende-se alcançar o jogo formal, promovendo a organização colectiva no ataque (sistema de jogo) e na defesa.

Introdução do 4º princípio de ataque e defesa - Espaço / concentração.

Tendo por base esta forma de trabalhar que iremos desenvolver toda a nossa actividade ao longo do ano, iremos ter a oportunidade de participar em vários eventos ao longo do ano, nomeadamente encontros com outras escolas de futebol e clubes. Que oportunamente serão divulgados.